Mearim Motos

Delegado Regional de Barra do Corda, fala do trabalho da Polícia Civil do Maranhão naquela cidade

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Share/Bookmark
O Delegado Renilto Ferreira Delegado Regional de Barra do Corda, disse que a Polícia Civil do Maranhão vem realizando um grande trabalho através da Delegacia regional de Barrado Corda. Falou que há nove meses, esta a frente daquela regional, fazendo juntamente com a sua equipe, um intenso trabalho de investigação, não só naquela cidade, como nos demais municípios que fazem parte da sua circunscrição.


Disse que na região de Barra do corda, existe uma peculiaridade, que são as questões indígenas diante da exploração índios locais, principalmente no que diz respeito as verbas federais destinada aos índios. Diante destas questões a regional de Barra do corda, vem realizando um intenso trabalho para combater os crimes praticados por brancos contra os índios, outra prática criminosa muito usada pelos exploradores, é a retenção de cartões bancários e de benefícios sócias, bem como documentos pessoais dos indígenas daquela região.

20160822_101447
Integrantes da quadrilha de roubo a cargas

Segundo o delegado Renilto, em operações realizadas pela sua equipe de policias civis, foram apreendidos mais de quinhentos cartões retidos por comerciantes das cidades de Grajaú, Jenipapo dos Vieiras e Barra do Corda. “Foi uma bandeira levantada pela Polícia Civil naquela região sob o meu comando para regatar o prejuízo moral e financeiro, deixados por comerciantes e empresários, que exploravam a comunidade indígena daquela região”. Disse o Delegado

Falou que sua regional tem realizado trabalho no tocante ao tráfico de drogas, onde quadrilhas, que comercializavam cocaína, e crack, foram presas, e as drogas apreendidas, onde pessoas da alta sociedade daquela região estavam envolvidas nesta prática criminosa, por tanto uma outra bandeira da Polícia Civil levantada na sua gestão, no combate ao tráfico de drogas na região de barra do corda. Afirmou Delegado Renilto.

Dr. Renilto falou ainda, que sua regional tem realizado operações no combate ao crime de usura, mas conhecido como crime de agiotagem que dominava aquela região. Que esse trabalho investigativo, culminou recentemente com a prisão de um pecuarista, tido como homem mais rico da cidade de Barra do Corda, considerado poderoso e temido pelas suas agressões e ameaças as pessoas que deviam dinheiro de empréstimos, com cobranças de juros altos pelo pecuarista as pessoas que ele deviam.

Resultado de imagem para Prisão do pecuarista Raimar
Prisão do pecuarista Raymar
                     

Disse que outras ações, estão sendo realizadas por aquela regional, em conjunto com outros departamentos da Polícia Civil do Maranhão, com o objetivo de combater os assaltos e roubos de cargas naquela região. Que em operação realizada com a SEIC, foram presos seis elementos integrantes de uma quadrilha especializadas nem roubos a cargas, e na semana passada, foram presos mais três elementos desta mesma quadrilha, restando ainda a prisão de mais seis integrantes desta quadrilha, que a polícia já está de posse dos mandados de prisão destes elementos, que deverão ser presos a qualquer momento, pelas equipes da SEIC e da Delegacia regional de Barra do Corda.

Destacou em especial duas prisões realizadas pela sua regional, uma delas foi a do agiota Raymar, que dizia abertamente que não temia juiz, desembargador, promotor, e muito menos polícia, chegando inclusive no dia da sua prisão, ameaçar de morte a equipe de policias que o prendeu, assim como a sua pessoa. Disse o delegado! falou ainda que outra prisão marcante pra cidade, foi a do indivíduo conhecido com do Orleans, que comandava a quadrilha de roubos de cargas em Barrado Corda e municípios vizinhos.

Finalizou dizendo que Polícia Civil, por intermédio da regional de Barra do Corda sob o seu comando, continua realizando ações, e operações com o objetivo de combater a criminalidade. Desarticulando quadrilhas de assaltantes, combatendo o tráfico de drogas, crime de agiotagem, e prendendo aqueles que agem de má fé com a comunidade indígena. Disse ainda que a regional de Barra do corda, está atenta aos fatos que acontecem na região e preparada para prender retirando de circulação, indivíduos nocivos a sociedade, garantindo assim, a paz e a segurança do cidadão de Barra do Corda. Concluiu!


Por/Stenio Johnny ASCOM SSP
 ASSISTA AQUI A ENTREVISTA

0 comentários :

Postar um comentário