Mearim Motos

Polícia Civil do Maranhão, nas eleições 2016 no interior maranhense

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Share/Bookmark
127_2117

O Superintendente de Polícia Civil do Interior, em entrevista concedida a Ascom SSP-MA, falou que os resultados obtidos nas operações realizadas em todo o estado no período eleitoral pela Polícia Civil do Maranhão através da SPCI, foram considerados positivos, com várias prisões por crimes eleitorais, prisão por tentativa de homicídio, por porte ilegal de armas, ameaças, dentre outras.

Falou que para garantir a segurança no interior maranhense no pleito eleitoral, foi montado todo um palejamento estratégico determinado pele secretário de segurança Jefferson Portela, e o delegado Geral Lawrence Melo, para que todas as delegacias do interior, tivessem reforços para atender as demandas desse período eleitoral. Cerca de 480 polícias civis foram distribuídos nos 217 municípios do Maranhão.

Disse que foi uma eleição tranquila, com alguns casos isolados, como o que aconteceu em Mirinzal onde o prefeito foi preso por tentativa de homicídio, levado para a regional da cidade de Pinheiro e posteriormente trazido para São Luís. Outras prisões foram feitas, em sua maioria por pessoas que tentavam intimidar eleitores, esses elementos foram identificados e presos. Ações como essas realizadas em conjunto com as polícias Militar, Civil e Corpo de Bombeiros, contribuíram para o bom andamento das eleições no Maranhão.
amaury
Amaury Santos/Prefeito da cidade de Mirinzal-MA/Delegado
Dicival Gonçalves Sup. da SPCI

Segundo o relatório apresentado pelo superintendente da SPCI, durante as eleições houve no interior maranhense. 38 prisões por crimes eleitorais, 31 prisões em flagrante por compra de votos, crime de capitação ilícita de sufrágio, 01 homicídio na regional de Pinheiro-MA, falou também que houveram 08 prisões de flagrante delito, por tentativa de homicídio, 04 lavraturas por crime de ameça, prisão do candidato a vice-prefeito da cidade de Centro Novo Maranhão, por crime de capitação ilícita de sufrágio, houve também a prisão do prefeito de Mirinzal, Amaury Santos Almeida, acusado de tentativa de homicídio e ouros crimes de menor potencial ofensivo, com a identificação dos envolvidos que foram presos e ouvidos pelas autoridades polícias das regionais onde aconteceram os fatos. Disse!

O superintende da SPCI, fez questão de frisar que apesar dos boatos espalhados nas redes sociais dando conta que não haveria eleições no Maranhão, as ações conjuntas das polícias Civil e Militar, garantiram o bom andamento do pleito eleitoral em todo estado, seguindo as orientações do secretário de segurança Jefferson Portela, e do Delegado Geral Lawrence Melo. Por tanto as eleições 2016 no interior do estado ocorreram em clima de tranquilidade e segurança. Concluiu.



1 comentários :

  1. Nota Pública
    Em defesa da verdade e da minha honra e em respeito à opinião pública manifesto a minha indignação contra a ilegal, arbitrária e eleitoreira operação policial, e informo que:
    Nunca houve investigação, provas ou mandato que justificasse a prisão. A armação foi feita para nos afastar da votação e influenciar nos resultados das eleições.
    Muito antes da abusiva prisão, uma onda de boatos tomou conta da cidade, anunciando que o prefeito seria preso e que os votos dados a ele não seriam válidos.
    A vítima do suposto óbito, descrito na ação policial, gravou um vídeo onde inocentou o prefeito, e afirma ainda não tê-lo visto no local do episódio. Foi mais uma farsa montada para manchar a imagem do prefeito.
    Em nossa gestão, Mirinzal conquistou avanços importantes e históricos em todas as áreas. O nosso trabalho é aprovado pela maioria da população mirinzalense.
    Anuncio que as autoridades da Segurança Pública do Estado que comandaram a abusiva e truculenta operação serão denunciadas ao Ministério Público, com provas irrefutáveis.
    Confiamos na Justiça a reparação do prejuízo e a indenização por danos morais e materiais. Agradecemos a atenção e que Deus nos abençoe!
    São Luís (MA), 10 de outubro de 2016
    Amaury Santos Almeida
    Prefeito Municipal

Postar um comentário