Denuncie

Detalhes da prisão de "Jandim", por matar um e alvejar outro numa vaquejada em Esperantinópolis.

domingo, 20 de agosto de 2017

Share/Bookmark
Jango Herculano, mais conhecido como "Jandim"

"Jandim" foi preso na fazenda de seu pai, no município de Bernardo do Mearim-MA.

Ontem, 19/08/17, por volta das 13 horas, a Polícia Civil do Estado do Maranhão, por meio de uma operação coordenada pelo Delegado de Polícia Civil Plantonista, Dr. DIEGO MACIEL FERREIRA, deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva exarado pelo juízo de direito da comarca de Esperantinópolis/MA, após representação da autoridade policial lotada na Delegacia de Polícia Civil de Esperantinópolis/MA, em desfavor de Jango Herculano de Sousa, conhecido como “JANDINHO” ou “JANDIM”, em razão dos fatos ocorridos no dia 26/11/16, quando por volta das 22 horas, em uma vaquejada que ocorria no Povoado Centro do Utensílio, zona rural de Esperantinópolis/MA, o conduzido desferiu um disparo de arma de fogo contra Josenil Pereira Sousa, conhecido como “DÊBA”, que veio a óbito ainda no próprio local, além de efetuar cinco disparos de arma de fogo contra Antônio José da Rocha Moraes, conhecido como “KAIRON”, que ficou internado no Hospital de Peritoró em razão da gravidade dos ferimentos e escapou com vida.

Jango Herculano de Sousa, conhecido como “JANDINHO” ou “JANDIM” foi preso pois responde a processo por homicídio consumado e homicídio tentando perante a comarca de Esperantinópolis/MA, além de processo na comarca de Igarapé Grande/MA por porte de arma de fogo de uso permitido. O mesmo será encaminhado para a unidade Prisional de Pedreiras/MA onde ficará a disposição do poder judiciário. O senhor Antônio Herculano de Sousa também foi conduzido para a Delegacia Regional de Polícia Civil e autuado em flagrante delito em razão da infração de posse irregular de arma de fogo de uso permitido, vez que foi encontrada uma espingarda calibre .20 no interior de sua residência, apesar da ausência de autorização legal para tal posse. O mesmo pagou fiança, foi liberado e responderá o processo em liberdade.
A Polícia Civil trabalha de forma incessante no combate à criminalidade. Além do mais, o delegado de Polícia Civil afirma que outras operações ocorrerão e agradece o apoio da população que está denunciando os autores de fatos criminosos.
ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.

5 comentários :

  1. Anônimo disse... :

    Esse Jadim é um sociopata. Não deveria estar no meio da sociedade. Ele não tem nada a perder, porque tudo o q ele faz o pai dele passa a mão na cabeça dele igual menino do buchao. Agora ta ai, até o velho foi preso por porte ilegal de arma de fogo graças a esse vagabundo. Dessa vez o velho aprende a lição. Não pode apoiar toda merda q o filho faz. Não o educou quando era pequeno, agora ta sofrendo as cobsequencias.

  1. Anônimo disse... :

    tchau querido presisnho tá

  1. Anônimo disse... :

    Mais tem dinheiro pra pagar um bom advogado,logo logo sai,quem ficou preso foi o k morreu,k ficou numa prisão eterna

  1. Anônimo disse... :

    Coloco 15 dias pra esse vagabundo ta ai no meio da sociedade,cadeia foi pra quem morreu e deixou 5 filhos pequenos,e outra a justiça brasileira eh vagabunda so da direito a quem não tem,pq se fosse um pobrezinho ia mofa na cadeira,agora esse psicopata ai não passar 15 dias,q em vez dele ta preso era pra ter um q fizesse o mesmo q ele fez cm um pai de família q ele ainda dizia ser amigo,quero q ele aprodessa

  1. Anônimo disse... :

    Pena que seu desejo não vai ser realizado querido, aceita que dói menos