Denuncie

Rádio Difusora AM inclui nome de Maura Jorge em pesquisa para governo

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Share/Bookmark
Rádio Difusora AM inclui nome de Maura Jorge em pesquisa para governo

Levantamento será realizado neste mês. Escutec também analisará os números para o Senado Federal

Do Atual7

A Rádio Difusora AM incluiu o nome da presidente do Podemos no Maranhão, Maura Jorge, na pesquisa para a disputa pelo Palácio dos Leões em 2018. Ela foi a primeira a lançar pré-candidatura ao Palácio dos Leões em oposição ao governador Flávio Dino (PCdoB), e única que tem o nome já consolidado.
O levantamento será feito pelo Instituto Escutec, e também analisará os números para o Senado. A pesquisa terá grande abrangência e vai buscar identificar o sentimento do eleitor maranhense nos quatro cantos do estado.
A primeira informação era de que, para o governo estadual, somente os nomes de Flávio Dino (PCdoB), Roseana Sarney (PMDB) e Roberto Rocha (PSB) haviam sido incluídos. Ao perceberem o equívoco em ignorar o nome da ex-prefeita de Lago da Pedra, porém, a Rádio Difusora AM e o Escutec divulgaram nova informação, dando conta de que Maura Jorge também aparecerá nos cenários estimulados.
Já para o Senado Federal, os nomes na estimulada serão mesmo apenas os de: Sarney Filho (PV), Edison Lobão (PMDB), Lobão Filho (PMDB), José Reinaldo Tavares (PSB), Waldir Maranhão (PTdoB) e Weverton Rocha (PDT).
A deputada federal Eliziane Gama (PPS), que garante ser pré-candidata ao Senado, foi ignorada pela Difusora AM/Escutec.
ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.

3 comentários :

  1. Anônimo disse... :

    tudo encomendado pela elite canalha sarneyzista querem tirar Maura Jorge da disputa

  1. Anônimo disse... :

    vamos fazer o seguinte galera não vamos reeleger nenhu

  1. Anônimo disse... :

    os políticos maranhense são os mas canalhas do Brasil não vamos reeleger nenhum deles só assim nas próximas eleições eles aprendem a fazer o que prometeram