Denuncie

Polícia já tem linha de investigação sobre morte do ex-prefeito de Barra do Corda

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Share/Bookmark


G1-MA

Polícia Civil do Maranhão já tem algumas linhas de investigação que buscam elucidar as causas do assassinato de Manoel Mariano de Sousa, conhecido como ‘Nenzim’, ex-prefeito de Barra do Corda, município localizado a 341 km de São Luís. Ele foi morto na manhã dessa quarta-feira (6), com um tiro no pescoço.


De acordo com a polícia, as investigações seguiram durante toda a madrugada desta quinta-feira (7). O delegado Regional de Barra do Corda, Renilton Ferreira, afirmou que algumas linhas de investigação e hipóteses sobre as causas do crime já estão sendo trabalhadas, mas elas não serão divulgadas para não atrapalhar as investigações sobre o caso.


“A polícia está conseguindo caminhar construtivamente. Estamos traçando linhas de investigações com várias equipes tanto da Policia Civil quanto da Polícia Militar e todo o sistema de segurança da região está voltado e a disposição para a elucidação desse crime. Trabalhamos com algumas hipóteses e acreditamos que em breve, estaremos com a conclusão desse caso para o esclarecimento dos fatos para a população de Barra do Corda e de todo o estado do Maranhão”, afirma o delegado.


Ainda segundo o delegado, uma equipe de médicos legistas e peritos dos municípios de São Luís e de Imperatriz estão em Barra do Corda para ajudar a elucidar o caso. Uma das filhas do ex-prefeito, Sandra Helena, afirmou que a família está desesperadas por respostas sobre o assassinato já que acredita que o pai e o irmão não tinham inimigos na cidade. “Está todo mundo desnorteado. Estamos sem a menor noção do que aconteceu”, afirmou Sandra.

Entenda o caso

Manoel Mariano de Sousa, conhecido como Nenzim, foi assassinado com um tiro no pescoço, na manhã dessa quarta-feira (6), na zona rural de Barra do Corda, a 341 km de São Luís. Ele foi encaminhado a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barra do Corda e em seguida, transferido para um hospital no município de Presidente Dutra, mas acabou falecendo.

As primeiras informações da Polícia Civil apontam que dois homens em uma motocicleta se aproximaram de Nenzim e do seu filho e dispararam várias vezes contra o ex-prefeito. Segundo a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o crime tem características de pistolagem. 

O corpo de ex-prefeito foi velado durante toda a madrugada em sua residência, em Barra do Corda e foi acompanhado de uma multidão de amigos e eleitores. O corpo do ex-prefeito deve ser enterrado no fim da tarde desta quinta-feira (7), no cemitério São Francisco, em Barra do Corda. Nenzim foi prefeito do município por três vezes.



ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.

6 comentários :

  1. Informe-se direito para que possa informar,pois tds sabem que quem estava com seu Nenzim era o filho Junior e não o Deputado Rigo Teles que estava se nao me engano em Brasília.

  1. Anônimo disse... :

    Quem matou o nemzim foi um policial.

  1. Anônimo disse... :

    Vixe é o asfalto do palmeiral sai ou não sai e quando.

  1. Anônimo disse... :

    Quem matou o Nezin foi uma bala perdida abestados.

  1. Anônimo disse... :

    Quem matou o Nezin foi uma bala perdida abestados.

  1. Anônimo disse... :

    Quem matou o Nezin foi uma bala perdida abestados.