Denuncie

Procon/MA: Agências do Banco do Brasil e Bradesco de Lago da Pedra voltam a funcionar integralmente

sábado, 23 de dezembro de 2017
Compartilhe esta Notícia

Após fiscalização e notificação do Procon/MA, as agências do Banco do Brasil e Bradesco voltaram a funcionar normalmente, nesta semana, em Lago da Pedra. Os bancos foram alvos de criminosos e estavam fechados. O órgão de defesa do consumidor acompanhou de perto até que as atividades fossem normalizadas. Todos os serviços, incluindo numerários, como saques e pagamentos na boca do caixa, estão em pleno funcionamento.

As instituições foram notificadas e tiveram um prazo para apresentar respostar e corrigir as irregularidades. Os bancos sofreram atentados criminosos no mês de outubro e suspenderam suas atividades. O Banco do Brasil, voltou a funcionar somente com algumas transações, mas, nesta sexta-feira (21), retomou todos os serviços. O mesmo aconteceu com o Bradesco que, a princípio, disponibilizou alguns serviços, mas já regularizou todo o atendimento. 

De acordo com o presidente do Procon/MA, Duarte Júnior, o órgão irá endurecer as sanções em caso de repetição de descumprimentos e falha na prestação dos serviços. “Continuaremos acompanhando de perto o funcionamento das agência em Lago da Pedra. Os bancos serão fiscalizados periodicamente e terão duas alternativas: ou investem na melhoria e expansão do serviço, ou, a cada semana, terão que sofrer sanções cada vez mais rígidas, em razão do desrespeito ao cidadão maranhense”, afirmou o presidente.

O consumidor que se sentir lesado pode acionar o Procon/MA por meio do telefone 151, denunciar pelo aplicativo, site www.procon.ma.gov.br ou pessoalmente nas unidades fixa distribuídas pelo Maranhão.
ATENÇÃO!
Todos os comentários abaixo são de inteira RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA de seus Autores(LEITORES/VISITANTES). E não representam à opinião do Autor deste Blog.

1 comentários :

  1. Anônimo disse... :

    Aqui o povo também está sendo lesado pelo Banco do Brasil em plena véspera de um grande feriado nenhum caixa abastecido.